Transpiração e odor

Toda a gente transpira. Transpirar é natural e necessário e não tem de ser um problema. 

Transpiração e odor

 O suor é uma função corporal natural e importante. Ele regula a temperatura do corpo arrefecendo a pele e evitando o sobreaquecimento

A transpiração pode ter causas ambientais ou emocionais. Muitas vezes suamos quando estamos fisicamente ativos ou quando estamos num ambiente quente. A transpiração também pode ocorrer quando estamos emocionalmente afetados por situações profissionais ou pessoais stressantes, como entrevistas de emprego, apresentações ou exames. A transpiração também pode ser desencadeada por alterações hormonais associadas com a puberdade e a menopausa.

A transpiração, em si, é inodora – é, essencialmente, constituída por água e sal. Em média temos entre 1,6 a 4 milhões de glândulas sudoríparas em todo o nosso corpo e podemos produzir até 1 litro de suor todos os dias. A transpiração, muitas vezes evapora tão rapidamente quanto é produzida. No entanto, em situações em que estamos particularmente ativos ou em ambientes muito quentes, podemos transpirar até 10 vezes mais.

O odor corporal é causado por bactérias existentes na superfície da pele que decompõem os componentes do suor.

Antitranspirantes vs. desodorizantes

 

 

Desodorizantes

Os desodorizantes não evitam a transpiração. Eles foram formulados para neutralizar, temporariamente, o odor produzido pelas bactérias existentes na superfície da pele. Muitos desodorizantes têm fragâncias para mascarar o mau odor.

Antitranspirantes

Os Antitranspirantes são diferentes. Eles são, especificamente, formulados para diminuir ou mesmo cessar a produção de suor das glândulas sudoríparas. Uma vez que o antitranspirante é aplicado, é formado um tampão temporário no ducto de suor que impede a libertação da transpiração. Este tampão é, naturalmente, expelido após alguns dias pela natural renovação das células da pele.

Para alguns, um desodorizante é o suficiente, mas outros precisam de uma protecção mais eficaz. Um antitranspirante de alta eficácia como Perspirex é a solução para minimizar de forma significativa a transpiração e o odor.

Factos sobre o suor

O suor é produzido pelas glândulas sudoríparas. Temos milhões delas em todo o corpo e podemos dividi-las em dois tipos:

  • Apócrina: são as glândulas sudoríparas que estão presentes no folículo do pelo, como na zona das axilas.
  • Ecrina: são glândulas localizadas na superfície da pele, em todo o organismo.

Glândulas sudoríparas e ductos de suor

 

 

 

 

 

Glândulas sudoríparas apócrinas encontram-se em áreas onde há crescimento de pelo. Estas glândulas ganham atividade na puberdade e podem ter um odor mais forte divido à flora bacteriana natural da pele. As glândulas sudoríparas mais abundantes e são encontrados na maioria das áreas do corpo. Com maior concentração nas palmas das mãos e plantas dos pés.

 

Transpiração excessiva

 

Sabia que… Quase um terço das pessoas tem problemas com a transpiração diária?

A transpiração excessiva é comum e pode acontecer a qualquer momento. As pessoas que sofrem de sudorese excessiva, acabam por ganhar comportamentos defensivos como não apertar as mãos ou levantar os braços.

Há também pessoas, que não sofrendo de sudação excessiva, consideram que a transpiração se pode tornar incómoda em algumas situações. Tenho mau odor? Tenho manchas de suor na minha roupa? A principal preocupação destas pessoas é se os outros vão notar o seu problema.

A transpiração excessiva pode ser moderada a grave, resultando em grandes manchas de suor na roupa, pés húmidos e mau cheiro ou mãos molhadas. É um problema comum que pode afetar qualquer pessoa em qualquer momento da sua vida. No entanto as mudanças hormonais como a puberdade e a menopausa impulsionam episódios de transpiração excessiva.

Leia o Testemunho do Gabriel